Universidades apresentam projeto para monitoramento da Covid-19 em Livramento



Na manhã desta quarta-feira (03), o secretário Geral de Governo, Ricardo Dutra participou junto com o vereador Danúbio Barcellos, de uma reunião por videoconferência com os professores Rodrigo da Silva Guerra, da UFSM; Jônata Tyska e Mateus Grellert, da UFSC e Alan Fontané, da Secretaria Binacional de Educação de Rivera.


A pauta da reunião foi a apresentação de projeto de nível nacional, para monitoramento dos casos de Covid-19 através de aplicativo de celular, com o intuito de auxiliar os municípios a combater o coronavírus.


De acordo com os professores, o projeto é baseado na notificação de exposição da pessoa ao vírus a partir do momento em que ela sai de casa, conseguindo assim, monitorar todas as pessoas com quem teve contato, caso venha a contrair a doença.

“Nossa ideia é dar mais segurança para a população que precisa sair de casa e retomar suas atividades. O melhor é que o aplicativo tem capacidade para monitorar até 3 níveis de propagação do vírus”, explicou Rodrigo da Silva Guerra.

De acordo com o secretário Ricardo Dutra, o projeto é interessante para as prefeituras, pois neste momento todas estão trabalhando para conter os avanços da doença, além do projeto ter credibilidade por ter as universidades envolvidas em sua criação.

Questionados pelo vereador Danúbio Barcellos, os professores explicaram que o próximo passo é obter ajuda das prefeituras para implantação do aplicativo e com contratação de equipe para monitoramento do mesmo. Após treinamento da equipe, a estimativa é de que o sistema esteja funcionando dentro de um mês.

Os Municípios que adotarem o aplicativo se responsabilizam pela divulgação do aplicativo, com amparo da Secretaria de Saúde e equipe médica para os casos positivos.

“O aplicativo vai facilitar o acompanhamento dos casos e traz mais segurança para a comunidade, pois uma hora todos precisarão retomar suas atividades. O projeto vem de encontro com o que todos precisam, pois quanto mais rápida a informação dos casos, mais lenta será a propagação”, frisou Ricardo Dutra.


Fonte: Prefeitura Municipal de Santana do Livramento



121 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções