Santanense continua na luta por transferência para cirurgia urgente



A equipe do Sentinela 24H continua acompanhando a batalha da santanense Fernanda, em busca de uma transferência para poder realizar uma cirurgia de caráter urgente.


Segundo fontes do Executivo Municipal, a transferência para a cidade de São Gabriel foi possível graças a um esforço em conjunto da Santa Casa e do Governo do Estado do RS.


Porém, Fernanda entrou em contato com a equipe, afirmando não ter aceito. "Eu não aceitei essa ida para São Gabriel, eles iam me mandar para um Pronto Socorro. Iam me mandar durante a noite, e ia chegar em uma troca de plantão, onde não teria médico nenhum me esperando, com um plantonista que não sabe do meu caso. São Gabriel é referência, mas não tem a cirurgia que eu preciso", desabafou ela.


A família agora tenta uma transferência judicialmente.


Entenda o caso


Na manhã desta segunda-feira (19), a equipe do Sentinela 24H conversou com a santanense Fernanda da Silva Alves, de 28 anos, que passa por um grave problema de saúde e fez um apelo as autoridades. A santanense contou que está internada na Santa Casa de Misericórdia desde o dia 7 de julho, e precisa urgente de uma transferência para outra cidade, com o fim de realizar uma cirurgia, porém, até o momento o seu pedido não obteve resultado. Com Otomastuidite, a mulher já perdeu parte da audição do ouvido esquerdo, e a doença está afetando outros pontos da sua face. Familiares de Fernanda já entraram em contato com a direção do hospital, com a Secretaria de Saúde e com o Executivo Municipal, e ainda aguardam pela transferência da santanense.

713 visualizações0 comentário