Padrasto e mãe são detidos após morte de menino de três anos em Porto Alegre

O padrasto e a mãe de uma criança de três anos morta foram detidos no início da noite desta terça-feira (19), em Porto Alegre. O menino, chamado Luis Henrique Paim Martins de Paula, foi levado sem vida ao Hospital Cristo Redentor nesta tarde. 


Pablo Vilarinho do Nascimento, 23 anos, foi autuado em flagrante. A mãe, que não teve o nome divulgado pelas autoridades, também foi detida. Eles foram indiciados por homicídios qualificado.


— A ocorrência teria sido provocada por ele. O que nós temos agora é que teria sido usado facão, chute, pontapé nessa criança, ela teria bastante hematoma, e isso teria provocado a morte. É uma situação muito delicada — declarou Carlo Butareli, delegado plantonista que atendeu inicialmente o caso.


Conforme a Brigada Militar, a mulher entrou em um estabelecimento comercial na Avenida Saturnino de Brito, na Vila Jardim, zona leste de Porto Alegre, pedindo socorro com a criança desacordada no colo. O Samu e a Brigada Militar foram chamados e levaram a mulher até o Hospital, onde foi constatada a morte.


Aos PMs, a mulher disse que o padrasto estaria abusando e agredindo a criança há dias. Ela também foi detida, uma vez que vivia com o homem.


— Estamos apurando a participação dela no crime ou não. Isso tudo vai ser apurado no decorrer do inquérito policial — afirmou Butareli.


Fotos: Lucas Abati / Agência RBS


0 visualização

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções