top of page

O dia que centenas tomaram as ruas de Livramento clamando pela defesa dos animais

No final da tarde da segunda-feira (24), centenas de pessoas, muitas acompanhadas de seus animais, tomaram conta das ruas centrais de Santana do Livramento pedindo por justiça, respostas e apoio para frear a onde de violência contra cães e gatos na cidade.


Durante a passagem por rua Rivadavia Correa, Vasco Alves, rua dos Andradas e Duque de Caxias, os manifestantes receberam o carinho das pessoas que saiam de suas casas, com seus pets no colo, se solidarizando com a causa e mostrando respeito aqueles que perderam seus "companheiros".


Durante a caminhada, um cão de rua que acompanhava o trajeto, passou mal. Perto de onde ele caiu, uma carne assada foi recolhida. Segundo as protetoras, so de tocar na carne pra recolher, começou a dar coceira nos braços. A veterinária Carina, que estava na passeata, atendeu o animal.


Chegando na DPPA, um grupo de lideranças da Manifestação, acabou sendo recebido pela Delegada Giovana Muller, que enfatizou o empenho de uma dupla de policiais designados a elucidar este caso, que corre em paralelo a centenas de outros na cidade, como tráfico de drogas, homicídios e demais crimes.


A luta segue, e uma audiência pública com os 3 poderes será marcada para as próximas semanas e vai contar com presença de autoridades estaduais. Um clamor pela causa animal que os Santenenses fazem para que essa onde de violência pare, assim como pedido de políticas públicas em defesa dos animais.


Foto: Igor Quevedo | Sentinela 24H













0 comentário
bottom of page