''Não valia R$ 40'', diz militar após ser roubado por recusar programa que contratou, em Alegrete


Um soldado do Exército, em Alegrete, resolveu combinar um programa via WhatsApp com uma mulher e acabou roubado. Conforme registro na Polícia Civil ele teria se encontrado com a garota de programa próximo à estação rodoviária. O caso na última semana, chamou atenção pelo desenrolar da história.


No encontro, a mulher cobrou R$ 150, ele rejeitou pagar o valor, alegando ser muito caro. Foi então que a garota começou se agarrar nele exigindo a consumação do programa, já que ela tinha sido contratada pelo militar.


Como ele falou que não tinha o dinheiro, a acusada chamou um indivíduo que estava próximo e acabaram tomando a carteira do militar. A dupla foi embora e logo em seguida ligou para o soldado exigindo o pagamento de R$ 100 para devolver a carteira com os documentos.


Na DP a vítima não encontrou o número da garota de programa e nem seu contato telefônico. Aos plantonistas confessou que a mulher era muito feia, não valia R$ 40.


Fonte: Alegrete Tudo

1,379 visualizações0 comentário

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções