© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções

Filho de família rosariense é assassinado por adolescente em Santa Catarina

No final da manhã de segunda-feira (27), em Camboriú, Santa Catarina, foi encontrado o corpo de Paulo Giovani Teixeira Gonçalves, 35 anos, filho de família rosariense. Ele foi assassinado e o suspeito, um menor de 16 anos, foi apreendido e indicou aos policiais onde teria deixado o corpo da vítima. A principal hipótese é latrocínio.


Conforme o G1 de SC, DJ Paulinho, como era conhecido, estava desaparecido desde sexta-feira (24), quando foi visto dando carona para um adolescente na saída de uma festa. O adolescente de 16 anos prestou depoimento, o qual ficou mantido em sigilo. A Polícia Civil de Camboriú suspeita que se trate de um latrocínio (roubo seguido de morte). O laudo da causa da morte foi divulgado na tarde desta terça-feira (28) e conforme o Instituto Geral de Perícias (IGP) o DJ foi morto a pedradas e asfixia.


Gonçalves era natural de Santa Cruz do Sul e filho de família rosariense. Ele morou em Rosário do Sul até por volta dos 10 anos de idade. Atualmente residia em Porto Belo e teria ido para trabalhar em uma festa como DJ no Balneário Camboriú. Paulo também atuava como motorista de aplicativos. Documentos e o veículo também foram localizados pela polícia.

Paulinho Gonçalves foi velado na Capela de Porto Belo, à meia noite de terça-feira e o sepultamento ocorreu naquela cidade às 11h do mesmo dia.

Por meio de redes sociais, familiares e amigos deixaram mensagens de conforto pela irreparável perda do jovem.


Fonte: Gazeta de Rosário do Sul

Foto: Redes sociais / reprodução


554 visualizações