Entre Vírgulas: Céu Estrelado



Quando a noite chega, nos encontramos em outro mundo que nos inspira, fascina.


Descrever um céu estrelado é uma tentativa vã...


Sua beleza infinita não nos permite isso. Se pensarmos bem essa grandeza está presente no cotidiano das pessoas, em seus sentimentos e atitudes.


Observar as estrelas é mergulhar num verdadeiro mundo de encantos, é sentir-se livre, soltar a imaginação. E se olharmos bem veremos que são diferentes umas das outras. Temos estrelas de todas as formas e tamanhos mas estão entrelaçadas de algum modo. Na noite escura, são pequenas luzes e enfeitam o céu. Milhares delas, misteriosas e de extrema beleza no mundo de cima. Elas cintilam vida e muitos segredos. O céu estrelado faz seu toque em mim.


Nossa relação é bem íntima, pois fazemos parte dessa natureza que nos acolhe. E você já reparou que elas são dançarinas, imponentes e graciosas fazendo um balé em sua infinita complexidade?


Quando tenho um problema e sinto que estou ficando sem saída, saio no meu pátio e olho para o céu para lembrar que a vida é infinita. Um céu estrelado é lindo de todos os jeitos e sempre nos surpreende a cada noite.


Observá-lo nos traz uma paz infinita que invade nosso coração. Ele também nos faz refletir sobre cada detalhe da criação. Perfeito no que tem que ser!


Nada como olhar as estrelas e se perder na beleza e na imensidão de um céu noturno. Só sabe o que é e se perde em tamanha beleza, aqueles que tiveram a oportunidade de se deitar num campo aberto e contemplar esse gigante céu estrelado. É um brilho que nos contagia, nos inunda e energiza.


Foto: Virginia Abreu Fialho | Sentinela 24H

64 visualizações0 comentário