DOM PEDRITO | Material utilizado em obra deverá ser alterado para amenizar problemas nas ruas



Nossa reportagem recebeu inúmeras reclamações de moradores dos bairros da zona oeste do município – Sagrada Face, Santa Maria e Getúlio Vargas – sobre a condição das ruas onde está acontecendo a chamada ‘Obra da Sanga das Piúgas’, que elevará o índice de esgotamento sanitário do município. O fato é que após a escavação em alguns pontos, esses locais apresentam condições precárias de trafegabilidade, problema que é conhecido pela própria estatal.


O chefe do escritório da Corsan em Dom Pedrito, Giosepe Maino Bica, diz que as reclamações existem sim, mas o real problema está na recomposição do pavimento. Em reunião junto à Superintendência Regional, foi assinado um termo de ajustamento pela empresa responsável pela obra, para utilização de um material adequado para recomposição.


Bica diz que a obra apresenta certa complexidade, com um material inadequado, valas profundas sendo abertas e chuvas volumosas, somados os fatores é natural que surjam estes problemas. Material fotográfico também foi coletado e será apresentado à superintendente Léa Patrícia Pinheiro Basei.


A entrada do balneário Passo Real deverá receber melhorias de forma mais breve, pela grande circulação de veículos nesta época do ano.


Ontem (22), um caminhão boiadeiro e uma patrola atolaram em uma das ruas de abrangência da obra.



18 visualizações0 comentário

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções