Dois homens são presos por tortura, assassinato e ocultação de cadáver em Santa Maria



A Polícia Civil prendeu, na manhã desta sexta-feira (27), dois homens, com idades de 32 e 38 anos, em Santa Maria. A dupla é investigada pelos crimes de tortura, assassinato e ocultação de cadáver.


Os indivíduos foram detidos no Residencial Zilda Arns, no Bairro Diácono João Luiz Pozzobon, por policiais da Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP).


O homem de 38 anos possui antecedentes por estupro e lesão corporal. Os presos foram encaminhados à Penitenciária Estadual de Santa Maria (PESM), no distrito de Santo Antão.


Homem foi morto por estrangulamento


Conforme o delegado Gabriel Zanella, titular da DPHPP, a vítima foi amarrada e torturada por meio de sufocamento com sacos plásticos na cabeça. Depois, foi morta por estrangulamento. O homem de 56 anos foi encontrado morto na manhã do dia 3 de março, no Bairro Cerrito.


“A motivação dos crimes seria uma vingança em razão de supostos furtos cometidos pela vítima na residência dos suspeitos”, afirma Zanella.


Uma caminhonete que foi utilizada para transportar o cadáver da vítima foi apreendida em no Bairro Harmonia, em Canoas, na região metropolitana.


Fonte: Santa Maria 24 Horas

2.867 visualizações0 comentário