Diretora Luiza Torres falou a respeito da sua história na vida escolar

Na manhã desta quinta-feira (12), em comemoração ao Dia do Diretor de Escola, a diretora Luiza Helena Torres falou a respeito da sua história na vida escolar. Luiza que trabalha há 20 anos na Escola E.E.M. Cyrino Luiz de Azevedo, contou que sempre sonhou em ser professora, mas trabalhava em um escritório. Um dia ela resolveu fazer magistério e acabou fazendo concurso, passou em dois concursos para o estado e para o município.


Luiza começou a trabalhar no estado e sua primeira escola foi o Cyrino, em que ela trabalha até hoje. Ela conta que sempre gostou de trabalhar com criança, é de uma forma bastante gratificante e se sente em casa trabalhando na escola.


Em relação à pandemia ela contou que no inicio a escola havia parado quase um mês e que foi um momento muito triste, porém ocorreu à orientação para se iniciar os trabalhos online. Alguns alunos por não ter o acesso a internet os professores acabam fazendo as tarefas de forma escrita para que eles possam ter o mesmo tipo de conteúdo que os alunos que participam das aulas online.


“Ocorreu bastante retorno dos alunos quase 90%, foi melhor do que seria esperado”, conta a diretora.


Luiza conta que a maior preocupação da escola no início da pandemia era em relação da merenda escolar, então houve ajuda com cestas básicas para as famílias dos alunos que mais necessitavam.


No sábado passado a escola recebeu uma doação da Igreja Matriz em que receberam 200 marmitex, então a equipe da escola foi até as casas dos alunos carentes para distribuir as marmitas.


Foto: Gabriela Muniz | Sentinela24H

377 visualizações0 comentário