Candidata a Vereadora sofre ataque nas redes sociais e fala sobre lamentável episódio



As eleições de 2020 se encaminham para a reta final, e mais um fato lamentável foi registrado na corrida eleitoral de Santana do Livramento. A vítima desta vez foi a candidata a Vereadora Eva Coelho, atacada durante uma transmissão ao vivo.


Durante essa live feita em um perfil do Facebook, a candidata foi chamada de "pobre bicho", "pobre coitada" e até mesmo "besta". Além disso, o PDT local estaria tomando as devidas providencias, visto que o ataque também se dirigiu ao atual Prefeito e candidato a reeleição, Solimar Charopen.


Durante a tarde desta terça-feira (10), o Motoqueiro Verde e a Motoqueira Pink foram até a casa de Eva, falar sobre a vítima sobre esse ataque sofrido através das redes sociais. "Esse ano completo 48 anos de muita luta, e quem me conhece sabe quem é a Eva, que vende rapadura e vende sorvete de sol a sol. Infelizmente fui escrachada e ridicularizada por uma pessoa que falou desde na comida, até na minha mãe", lamentou ela.


Eva contou que é uma pessoa que vive trabalho, e a noite faz as suas lives mas que jamais atacou nenhuma pessoa durante suas transmissões ao vivo, e não esperava sofrer esse tipo de ataque. "Não me sinto uma coitada, eu consigo trabalhar, consigo vender. Minhas vendas se não dão no bairro Armour vai no bairro Wilson, na Tabatinga. Eu acho que coitado é aquela pessoa que faz uma live para se expressar e agredir alguém,. Ai sim tu é coitado porque não tem outra coisa pra fazer, e eu tenho, que é vender minhas rapaduras de porta em casa, levando o meu nome e meus doces pra vender".


Sobre sua trajetória, Eva falou que foi uma trajetória simples, começando a trabalhar no Swift Armour com seus 15 anos. A santanense relatou que já lavou fraldas geriátricas, já vendeu e continua vendendo seu produtos na rua.


Questionada se perdoaria a autora dos insultos, Eva afirmou que perdoaria sim, "Ela devia estar em um momento de fragilidade". A candidata ainda declarou sobre o ataque, "Sou negra, sou pobre e sou pelada. Mas todo mundo tenta, porque eu não posso tentar?".


A equipe do Sentinela 24H presta seu apoio e solidariedade a santanense Eva, até por já ter mostradora a história de luta desta guerreira, algo que não em nada a ver com a política e repudia qualquer tipo de ofensa e humilhação praticada, seja ela com cunho político ou pessoal, onde o agressor não poupa palavras para satisfazer-se durante seu monólogo.


Foto: Virginia Abreu Fialho | Sentinela 24H

1,032 visualizações1 comentário

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções