Bandeira vermelha em Livramento deixa em alerta autoridades de Rivera



Na manhã deste sábado (18), a reportagem do Sentinela 24H conversou com o Coordenador do CECOED, Gustavo Guedes, sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido do lado uruguaio da Fronteira, e a situação da região na bandeira vermelha.


Segundo Gustavo, apesar de Rivera se manter com 0 casos ativos de Coronavírus, isso não significa que "Possamos relaxar na batalha". As barreiras sanitárias continuam sendo realizadas durante o final de semana, que é a época em que mais estrangeiros cruzam a linha divisória para realizar compras em Rivera.


Todos os veículos que circulam, sejam de Livramento, Rivera ou de outros lugares, passam por desinfecção nas rodas, além dos passageiros terem sua temperatura medida. Também é realizada a entrega de material informativa e máscaras para aqueles que não possuam.


Gustavo pede que as pessoas não esqueçam também de manter o distanciamento social e evitar aglomerações. Questionado se o fato de Livramento estar em bandeira vermelha segundo o modelo de distanciamento controlado do RS preocupava as autoridades de Rivera, ele afirmou que sim, mas que o caminho a seguir é continuar com o trabalho que já vem sendo desenvolvido em conjunto por ambas cidades e com as medidas espelho.


Foto: Lucas Bichinque | Sentinela 24H


680 visualizações0 comentário