As histórias do radialista Sebastião Muniz, que trabalha 31 anos na área do rádio

Na manhã de sábado (07), em comemoração ao Dia do Radialista, Sebastião da Silveira Muniz contou um pouco como foi a sua trajetória na vida do rádio.


Ele conta que iniciou a sua carreira profissional como radialista em 1989, na rádio Maratan. Sua primeira experiência foi trabalhando como repórter esportivo transmitindo jogos dos times Grêmio Santanense e Esporte Clube 14 de Julho. Sebastião conta que o radialista Aroldo Rodrigues foi quem lhe deu incentivo para ele continuar no rádio e também quem o ensinou a operar a mesa de som, juntamente com o radialista Antônio Lima.


Depois de 89 ele conta que começou a trabalhar na rádio Cultura, onde ocorreram muitas transmissões esportivas, já que o Esporte Clube 14 de Julho jogava muitas vezes em Pelotas, Vacaria e cidades próximas, sempre transmitindo para o público de Santana do Livramento.

Acabou sendo convidado para trabalhar na rádio Rcc FM e aceitou.


Trabalhou por bastante tempo na Rádio, até que começou a trabalhar na rádio Líder FM, com o convite de Edson Silva, mas como a Rádio Maratan iria imigrar para o FM voltou a trabalhar na rádio e esta até os dias de hoje.


Sebastião conta que antes de trabalhar com rádio trabalhava no comércio de Livramento, no Kilojão. Antigamente ele utilizava fitas cassete em que ele gravava em casa e reproduzia as promoções da loja.


O radialista que Sebastião se inspirava muito na época era o Sergio Zambiasi, ele conta que ele escutava os seus programas na rádio Farroupilha, e sempre se inspirou no estilo em que ele fazia os programas, sempre de forma alegre e descontraída.


“Antigamente eu tinha uma caixinha de som frahm em casa e um toca discos, e ali eu treinava, muitas vezes eu ia à quadra e o pessoal perguntava em que rádio eu trabalhava, mas nunca havia trabalhado em rádio” comenta.


Sebastião conta que quem quiser realizar seus sonhos deve ir atrás do que deseja e tentar conquistar.


Fotos: Gabriela Muniz | Sentinela24H

79 visualizações0 comentário