"A Sangue frio": Policia Civil fecha ciclo de prisões do caso Rudinei com fortes revelações

No amanhecer deste domingo (23), ocorreu na zona rural de Livramento, a prisão do autor confesso do crime de tentativa de latrocínio do caso Rudinei Martins, taxista que foi brutalmente atacado a facadas por três bandidos, na madrugada da quarta-feira, em Santana do Livramento.


Em coletiva de imprensa, a Delegada Giovana Muller, destacou o trabalho do Setor de Invetigação da 1ª DP e falou sobre o depoimento dos criminosos, "são 3 jovens, um deles menor de idade, que já haviam furtado 2 ovelhas mais cedo na terça-feira e venderam para comprar drogas. Após usar o produto ilícito, eles queriam mais e sairam para cometer outro furto ou roubo, armados com uma faca de cozinha, que pertence a mãe do adolescente. Ao ir em direção a uma residência para furtar, eles se depararam com o taxista Rudinei, e decidiram embarcar no táxi". explicou. Foi neste momento que a autoridade policial foi reveladora, quando transmitiu o que os autores falaram a policia, "no táxi eles se olharam e não sabiam quem iria esfaquear o taxista primeiro, até que o menor de idade, disse se eu der, vocês também dão e foi ai que ocorreu o primeiro golpe logo no pescoço, sem anunciar o assalto, e com uma sequência de aproximadamente 3 golpes para cada, ocorreu a tentativa de latrocínio, que não terminou em assalto, pois a faca ficou cravada no corpo de Rodinei, assustando os ladrões que fugiram.", concluiu.


Um caso que vinha sendo elucidado desde a madrugada do crime fecha seu ciclo de prisões do Setor de Investigação. Agora a torcida é pela melhora do taxista, que ganhou o carinho de uma categoria, por mostrar os perigos do trabalho na noite, de taxistas e muitas outras classes que tem sua rotina de trabalho nas madrugadas na Fronteira da Paz.


Fotos: Ralph Quevedo | Sentinela 24H






6,564 visualizações0 comentário