Vereador pede projeto piloto de sistema rotativo de estacionamento não pago


O vereador Germano Camacho protocolou na Secretaria da Câmara de Vereadores um Pedido de Providências à Prefeitura Municipal visando tornar mais ágil e organizado o trânsito de veículos na área central de Livramento. A proposta apresentada pelo legislador consiste da criação de uma espécie de estacionamento rotativo no centro da cidade, porém sem a correspondente cobrança pelo uso das vagas disponibilizadas aos motoristas.

Germano Camacho explica que é necessária uma providencia com relação ao trânsito em razão do “grande fluxo de veículos que transitam naquela região em detrimento à falta de locais para estacionamento no centro da cidade”. Para ele, esse problema “acaba prejudicando os lojistas daquela região bem como dificultando os munícipes que necessitam estacionar seus veículos para realizarem seus afazeres cotidianos”.

No documento que será submetido à apreciação dos demais vereadores antes de ser formalmente encaminhado ao Poder Executivo Municipal, Germano Camacho pede que a Câmara oficie o Chefe do Executivo para que determine a elaboração de projeto piloto de um “sistema rotativo de estacionamento não pago”. Na última segunda-feira, 14, o vereador esteve reunido com os secretários Geral de Governo, Enrique Civeira, e de Trânsito, Transporte e Mobilidade Urbana, Alencastro Feippe Martins, e com o empresário e membro do Rotary Club Jairo Zamberlan, para discutir detalhes do estudo que será desenvolvido pelo Poder Executivo para a implantação da proposta.

A ideia do Vereador é que a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade Urbana ofereça gratuitamente vagas para estacionamento por tempo máximo de 30 minutos no centro da cidade. “Sem oneração ao motorista, será possível agilizar e democratizar o uso dos espaços públicos”, justificou Germano Camacho.

Fonte: ASCOM Câmara de Vereadores


75 visualizações0 comentário