Roupas para doações são alvos de polêmica em Santana do Livramento


Na manhã desta quarta-feira (09), o vereador Aquiles Pires (PT), foi até a Sec. do Planejamento, onde foi verificar o andamento da situação envolvendo o arquivo municipal que foi atingido na semana anterior. Nesta visita, o vereador, em vídeo postado nas redes sociais, diz ter se surpreendido com a situação de roupas que estavam, segundo ele "jogadas" pelo local. O vereador mostrou varias peças de roupas e desabafou, “Quero saber o destino dessas roupas, porque ainda não foram doadas, porque estão aqui. Gostaria de uma resposta do Governo Municipal, perante esta situação." Destacou o legislador em sua fiscalização durante a manhã.

Momentos após o vídeo ir ao ar, a equipe do Sentinela 24H procurou o contraponto e uma explicação a comunidade sobre este fato, e quem falou sobre o assunto foi Amarildo Tabajara, que é responsável pela loja e trabalha junto com a primeira dama Silvana Harden. A conversa com Tabajara se resume nesta nota de esclarecimento emitida na sequência, pelo Governo Municipal.

Nota de Esclarecimento

O Executivo Municipal vem por meio desta, manifestar-se em relação às publicações veiculadas sobre a existência de doações de roupas armazenadas no prédio do antigo SENAI.

Esclarecemos que as roupas guardadas naquele local não são agasalhos de inverno, mas sim, roupas de verão oriundas de doações da comunidade. O Gabinete Ação Solidaria da Primeira-dama, responsável pelas campanhas de doação de roupas, já está organizando uma distribuição que acontecerá próximo ao início da estação, assim como já ocorreu no inverno, quando agasalhos foram distribuídos nos bairros, com o apoio das associações de moradores.

Além disso, ao longo de todo ano, a Lojinha Solidária – localizada na Prefeitura Municipal - disponibiliza roupas para toda a comunidade, de forma gratuita. Com espaço limitado de armazenamento na Lojinha, é comum, que o Executivo armazene as doações em outros setores. Salientamos que a assistência social aos santanenses é uma das preocupações prioritárias da Administração Municipal, e por isso, além das campanhas periódicas, é disponibilizado o ponto da Lojinha Solidária no centro da cidade.

Solicitamos assim, que dúvidas em relação ao tema, sejam direcionadas ao Gabinete da Primeira-dama, localizado no Palácio Moyses Vianna. O Gabinete está sempre à disposição da comunidade para qualquer esclarecimento, buscando sempre, dar clareza aos fatos e evitando a propagação de notícias equivocadas.


471 visualizações0 comentário