Transexual Gaúcha é brutalmente assassinada na Espanha


Paloma Barreto, transexual de 38 anos, foi brutalmente assassinada esta semana no norte da Espanha. A vítima era gaúcha, natural de São Gabriel.

O crime ocorreu em Avilés, no principado de Astúrias. Paloma morava em uma cidade vizinha, chamada Alicante, mas viajava bastante para viajar. Segundo informações, ela era acompanhante de luxo e modelo. Ela usava o nome profissional de Sara Fernandez. De acordo com a Agência de notícias espanhola EFE, a vítima foi encontrada morta no último sábado em um apartamento, por uma faxineira do local. No corpo haviam 15 marcas de golpes de arma branca.

Familiares revelam que Paloma morava há 12 anos na Europa. Apesar da distância, ela sempre mantinha contato, preferencialmente por chamadas de vídeo. Um reencontro com família estava sendo planejado, Paloma programava vir ao Brasil, porém no último domingo (22), um telefone alertou os familiares sobre o ocorrido.

A polícia espanhola já prendeu o suspeito do crime. Natural de Porto Alegre, o homem que não teve a identidade revelada, trabalhava e tinha uma relação íntima com a vítima, classificada por eles como “amizade colorida”. Apesar de ambos envolvidos serem gaúchos, os dois se conheceram na Espanha.

O caso foi colocado em segredo de Justiça e, por isso, o Itamaraty não repassa detalhes. A família pede orações, e torce para que a justiça seja feita.

Fonte: Poa 24 Horas


72 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções