Após morte de policiais, patrulhamento é reforçado na zona Leste de Porto Alegre


A Brigada Militar mantém na manhã desta quinta-feira o patrulhamento reforçado na vila Maria da Conceição, no bairro Partenon, em Porto Alegre, onde dois policiais militares foram mortos na noite de quarta-feira durante uma incursão do 19º BPM. Responsável pelo Comando de Policiamento da Capital (CPC) da BM, a ocupação da região está sendo feita pela tropa do 1º Batalhão de Choque (1º BChoque). Um efetivo da Polícia Rodoviária Federal dá apoio no local.

Durante a madrugada, a área foi cercada com barreiras e ocorreram abordagens de pessoas e veículos. Um helicóptero do Batalhão de Aviação da BM foi também empregado. O trânsito permaneceu bloqueado até o amanhecer, quando a saturação de área foi encerrada.

Na operação de rotina desencadeada na vila Maria da Conceição, os soldados Rodrigo da Silva Seixas, 32 anos, e Marcelo de Fraga Feijó, 30 anos, ambos do Pelotão de Operações Especiais do 19º BPM, foram surpreendidos por disparos muitos próximos quando se aproximaram de uma casa no Beco da Bruxinha, na rua Paulino Azurenha. Na moradia havia ingressado três suspeitos em fuga. Feridos gravemente nos rostos, os dois brigadianos foram encaminhados por outros colegas ao Hospital de Pronto Socorro, onde não resistiram e faleceram.

Em seguida ocorreu confronto sendo que um criminoso, vulgo Cleber, de 44 anos, em liberdade condicional, foi baleado e morto. O filho dele, de alcunha Lucas, de 19 anos, tentou fugir pelos telhados mas acabou sendo capturado. Dois revólveres calibres 38 e munição foram apreendidos e serão periciadas. Lucas foi flagrado exercendo tráfico de drogas em dezembro do ano passado. Na ocasião foram recolhidas três pistolas, um revólver e 75 cartuchos de munição. Antes, em março do mesmo ano, ele já havia sido detido com duas espingardas, uma pistola com dois carregadores. Agora em abril acabou solto. Ele e o pai tinham extensa ficha de antecedentes criminais.

Os dois policiais miltares assassinados deixam respectivamente esposa e um filho pequeno. Na BM, Rodrigo da Silva Seixas tinha dez anos e Marcelo de Fraga Feijó estava há sete anos. A BM manifestou-se oficialmente. “Quando tomba um de nós, perde-se muito mais que um brigadiano. Perde-se um filho. Perde-se um pai. Perde-se um esposo. Perde-se um pedaço de nossas almas e corações. Há pouco, a Brigada Militar perdeu, em confronto, os soldados Rodrigo da Silva Seixas e Marcelo de Fraga Feijó, do 19º Batalhão de Polícia Militar, em Porto Alegre. Não há lamentos que possam preencher o vazio no peito de cada irmão de farda”, diz a nota.

“Meus sentimentos e minha solidariedade às famílias dos dois soldados da Brigada Militar, mortos durante confronto com criminosos nesta noite na Capital. Não mediremos esforços para responsabilizar os culpados pelo fato. Seguiremos trabalhando firme no enfrentamento à criminalidade”, declarou o vice-governador e secretário estadual da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior.

O comandante-geral da Brigada Militar, coronel Mário Ikeda, também prestou solidariedade aos familiares dos policiais militares mortos na noite dessa quarta-feira. "Eles foram mortos cumprindo o seu dever, que é o que eles faziam diariamente, com abordagens, identificação e patrulhamento, principalmente nas chamadas áreas conflagradas, onde há tráfico de drogas. Lamentavelmente, eles foram mortalmente feridos", disse nesta quinta. Conforme o comandante do 19º Batalhão de Polícia Militar, Kefren Castro de Souza, quando os corpos forem liberados, um dos PMs deve ser sepultado na cidade de Caçapava do Sul e outro em Viamão.

Souza relatou ainda que será preciso recuperar a auto-estima da tropa. "Estamos todos tristes. Todo o batalhão sentiu. Eram dois excelentes policiais e eram muito queridos. Agora será preciso levantar o moral da tropa, porque somos muito unidos", resumiu.

A Polícia Civil solidarizou-se com a Brigada Militar e lamentou a perda dos dois policiais militares. “Quando um de nós tomba, tombamos todos juntos”, lembrou.

Fonte: Correio do Povo

Foto: Ilustrativa


89 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções