Em grande jogo, Uruguai x Japão empatam em 2 x 2 na Arena


A Arena do Grêmio foi palco do grande jogo da Copa América até o momento. Por duas vezes, a maior campeã do torneio esteve atrás do marcador. O Uruguai buscou o empate e pressionou o Japão, mas placar acabou igualado em 2 a 2 na noite desta quinta-feira de feriado, para quase 40 mil pessoas.

Os gols do Uruguai foram marcados por Suárez, de pênalti e Giménez. Miyoshi marcou duas vezes para o Japão.

Na próxima rodada, a última da fase de grupos, o Uruguai enfrenta o Chile, na segunda-feira, às 20h, no Maracanã. No mesmo dia e horário, o Japão encara o Equador, no Mineirão.

Japão surpreende e sai na frente

Nos minutos iniciais, o Japão, com seu time sub-23, surpreendeu. Chegou com perigo e criou boas jogadas de ataque. Aos poucos, o Uruguai passou a ter o domínio do jogo, como esperado para um dos favoritos ao título da competição.

Com toques rápidos e especialmente pelos lados de campo, os comandados de Óscar Tabárez tentaram envolver os japoneses. No entanto, a surpresa veio aos 24 minutos do primeiro tempo. Miyoshi recebeu lançamento pela direita, invadiu a área e bateu sem chances para Muslera, para abrir o placar de forma surpreendente.

O susto pareceu acordar os uruguaios, que foram para cima dos orientais. Aos 30 minutos, Cavani recebeu uma solada dentro da área e, após consultar o VAR, o árbitro Diego Haro marcou pênalti. Com categoria, Suárez bateu e empatou o jogo.

Uruguai pressiona, mas não leva

O segundo tempo começou com intensidade dos uruguaios. E a tônica foi a mesma do primeiro tempo: especialmente com Suárez e Cavani, a Celeste buscava a todo momento a finalização, em diversos setores da intermediária da área japonesa.

Mas de novo foi o Japão quem surpreendeu. Aos 14 minutos do segundo tempo, após cruzamento da esquerda de ataque, Muslera cortou mal para o meio da pequena área e Miyoshi marcou o segundo dele no jogo.

Novamente atrás no placar, o Uruguai voltou a pressionar. Com a entrada de Arrascaeta, seguiu ocupando o campo de defesa japonês e, pelas pontas, cavando escanteios em sequência. Foi em um deles que o empate veio. Giménez, de cabeça, empatou em 2 a 2 aos 20 minutos da etapa final.

A pressão era cada vez mais intensa. Aos 34 minutos, Suárez, também de cabeça, botou bola no travessão. No entanto, os japoneses seguraram o empate em 2 a 2 em grande jogo na Arena do Grêmio.

Copa América 2019 - segunda rodada

Uruguai 2

Muslera; Cáceres, Giménez, Godín e Laxalt (Giovanni González); Torreira, Bentancur, Nández (Arrascaeta) e Lodeiro (Valverde); Suárez e Cavani. Técnico: Óscar Tabárez.

Japão 2

Kawashima; Iwata (Tatsuta), Itakura, Ueda, Tomiyasu; Sugioka, Shibasaki, Abe (A. Ueda), Miyoshi (Kubo) e Kakajima; Okazaki. Técnico: Hajime Moriyasu.

Gols: Miyoshi (24/1T; 14/2T), Cavani (30/1T) e Giménez (20/2T)

Cartões amarelos: Ueda e Nakajima (Japão)

Árbitro: Diego Haro (Peru)

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Público: 39.733

Renda: R$ 6.613.630,00


47 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções