Alunos do campus Santana do Livramento participam da 11ª Olimpíada de História


A 11ª edição da Olimpíada Nacional em História do Brasil atingiu número recorde de inscritos, com um total de 18,4 mil equipes cadastradas, o que representa 73 mil participantes de todos os estados brasileiros. É um projeto de extensão da Universidade Estadual de Campinas, desenvolvido pelo Departamento de História por meio da participação de docentes, alunos de pós-graduação e de graduação, com apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Telecomunicações (MCTIC), por meio do edital de Olimpíadas Científicas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A competição teve início no dia 6 de maio e são 06 fases online até chegar à final presencial, realizada na Unicamp, em Campinas/SP. Durante cada etapa as provas são realizadas no período de uma semana, com questões de múltipla escolha e realização de tarefa. Ao fim de todas as fases online, as equipes finalistas participam da final presencial nos dias 17 e 18 de agosto. Na final, os grupos devem realizar uma prova dissertativa e, no dia seguinte, participam da premiação.

A Olimpíada é realizada por equipes compostas por um professor de história e três alunos (que podem estar em diferentes anos). No IFSul campus Santana do Livramento, foram formadas 11 equipes que foram classificadas para a segunda fase, todas coordenadas pelo professor José Lúcio. Conforme comenta o professor “A participação dos alunos na Olimpíada é de grande importância, é um momento no qual eles podem se preparar para o ENEM e vestibulares em paralelo com os estudos de sala de aula.” O professor também destaca o excelente desenvolvimento e potencial de todas as equipes do Campus.

Fonte: IFSUL Santana do Livramento


61 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções