Estudantes santanenses se preparam para o ENEM


Nesta última Segunda-feira, se iniciaram as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio - ENEM 2019. Serão milhares de estudantes realizando a prova por todo o país, almejando não só testar seus conhecimentos como alcançar uma tão sonhada vaga no ensino superior, e ingressar em uma das diversas faculdades federais.

Em Livramento, não é diferente, e diversos alunos do terceiro ano, tanto de colégio públicos como privados, já estão focados na prova e ansiosos. Nossa reportagem conversou com alguns jovens, que contaram como esta sendo suas rotinas de estudo e o que esperam da prova.

Piettro Motta Madril, 17 anos

Piettro está no terceiro ano do General Neto, contou que o foco mesmo só surgiu agora que ele está no último ano, mas sempre teve a ideia de fazer algum curso ligado a tecnologia. ''A preparação eu acho que é mais uma questão de relembrar o básico, e estudar aquilo que tu ainda não aprendeu'', contou ele. Ele ainda declarou que o ano passou lhe serviu como uma experiência, para estar mais preparado este ano. O curso desejado por ele é Engenharia Computacional.

Isadora Carosio Borges, 17 anos

Isadora também é estudante do General Neto, e conta que sua preparação se iniciou já no ano passado. ''Eu estava procurando já vídeos no Youtube, que dão várias dicas de estudo. Ano passado já fiz a prova para ver como é, e ter uma noção de tempo'', contou ela. O curso que Isadora deseja é Publicidade e Propaganda, e ela ainda está fazendo curso online para ajudar no seu desempenho.

Daniel Machado Cossio, 17 anos

Daniel é um estudante do General Neto, e visa cursar Direito, querendo ser futuramente um promotor. ''Eu comecei a me preparar mesmo esse ano, mas o básico eu já estudo desde o ano passado. Este ano vou me preparar mais fundo, com cursos online.''

Anthony Tatsch Ribeiro, 17 anos

Anthony é aluno do terceiro ano do Instituto Livramento, e realizará sua segunda prova do Enem. ''A expectativa e o nervosismo tomam conta, mas é preciso estudar para apropriar do conhecimento e ter segurança na hora de assinalar as alternativas e fazer uma boa redação'', afirmou ele. Fora se dedicar no tempo livre, ele ainda destacou a importancia do apoio familiar nesse momento.

Carolina Figueira Acosta, 17 anos

Carolina estuda também terceiro ano do Instituto Livramento, e contou que apesar do nervosismo ser grande, é preciso manter a calma e focar. ''Olho vários tutoriais que mostrem formas de estudo e tento seguir as dicas, em cada minuto livre dou uma revisada no conteúdo. O nervosismo mesmo se concentra na redação, leio algumas nota 1000 para ir tendo ideia de como é'', contou a estudante.

Fotos: Ralph Quevedo / Sentinela 24H

Arquivo Pessoal


102 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções