Casal de idosos é encontrado morto e com sinais de tortura em Porto Alegre


Um casal de idosos foi encontrado morto e com sinais de tortura em sua residência no bairro Camaquã, na zona Sul de Porto Alegre, na manhã desta quarta-feira. As vítimas, cujas identidades ainda não foram reveladas, foram encontradas na cozinha de uma casa localizada na rua Dr. Mário Totta com sinais de asfixia por saco plástico e agressão. Além disso, elas foram esfaqueadas, e uma faca estava cravada em um dos corpos.

"É um crime com requintes de crueldade, não é o normal em um latrocínio, um roubo", destacou o Diretor da Delegacia regional de Porto Alegre, Fernando Soares. De acordo o delegado, nada foi roubado do local. "Não vamos descartar nenhuma das possibilidades. Diante da cena do local, em face à crueldade, não descartamos que realmente tenha sido um homicídio. Por isso estou aguardando meus colegas para decidir que linhas vamos seguir", comentou.

Soares também afirmou que as diligências vão considerar a participação de parentes ou amigos na ocorrência, pois não havia indícios de invasão. "Não descartamos a possibilidade de que possa ser conhecidos deles. Não há arrombamento, o portão estava trancado e a chave estava jogada dentro do pátio. Quem saiu atirou a chave para dentro", comentou. Soares ainda considerou que é temerário afirmar que os assassinatos foram cometidos por uma única pessoa ou por um grupo de criminosos.

Uma vizinha chamou a polícia durante a manhã após ver a chave atirada no pátio e considerar a cena suspeita. Conforme o delegado, nenhum morador próximo notou comportamentos suspeitos na redondeza. Os corpos das vítimas serão encaminhados para perícia.


77 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções