Tramandaí registra dois assassinatos no começo de 2019


A época de veraneio não intimida os criminosos que planejam executar os desafetos em Tramandaí, no Litoral Norte. Na noite desta quarta-feira, um homem sem antecedentes criminais foi assassinado dentro da residência situada na rua Hildebrando Pinheiro Veloso, no bairro Indianópolis. O crime ocorreu na frente da mulher e de dois filhos pequenos da vítima que foi baleada três vezes, sendo duas na cabeça e uma nas costas.

Dois indivíduos armados com revólveres arrombaram a moradia para cometer o homicídio. O titular da DP de Tramandaí, delegado Paulo Perez, adiantou que as investigações estão bem avançadas mas não podem detalhar para não prejudicar o trabalho. “Já sabemos o que houve e a motivação, mas estamos mantendo sigilo”, adiantou. Ele observou que os atiradores fugiram a pé em um primeiro momento. “Se tinha algum carro próximo...ninguém informou”, observou.

No final da tarde de terça-feira, um outro homem, também sem antecedentes criminais, apareceu esfaqueado e morto na rua Salvador Pereira Guimarães, no bairro Parque dos Presidentes. A vítima, que levou 15 facadas, teve o corpo parcialmente queimado no local. “Estamos acreditando que ela foi desovada ali”, avaliou o titular da DP de Tramandaí.

Execução

Já no domingo passado, 30 de dezembro de 2018, uma dupla execução ocorreu na avenida Curitiba, no bairro Nova Tramandaí. As vítimas, envolvidas com o narcotráfico e integrantes da facção Os Manos, eram provenientes do bairro Guajuviras, em Canoas. Um Hyundai i30, de propriedade de uma delas, foi apreendido, sendo encontrados cerca de R$ 6 mil em dinheiro e porção de maconha no interior do veículo.

“Tinha um caderno de anotações do tráfico de drogas”, destacou. Já no bolso de um dos mortos havia em torno de R$ 700,00 em dinheiro. O delegado Paulo Perez frisou que nenhum dos três casos têm relação entre si.

Fonte: Correio do Povo


12 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções