Venda de moto provoca confusão e dois homens e duas motos acabam na DP de Alegrete


Brigada Militar apresentou na Delegacia de Polícia,indivíduo acusado de ter furtado moto de um conhecido. O fato aconteceu depois que o acusado entregou uma Honda para a vítima para que ele realizasse a venda e pudesse ganhar comissão. Porém, o veículo foi recolhido pela Guarda Municipal e encaminhado ao Depósito do Detran, por licenciamento atrasado.

A fim de sanar o prejuízo do proprietário da moto, o vendedor entregou outra para que pudesse quitar a dívida. Contudo, essa moto não possui DUT, tampouco qualquer documentação por ter sido veículo vendido em leilão e já deu baixa no sistema do Detran. Dessa forma, o acusado não aceitou e quando a vítima estava passando próximo a sua residência, o abordou e ficou com outra moto retida.

Sentindo-se lesado por ter as duas motos de posse do acusado, o vendedor procurou a Brigada Militar e disse que as motos estavam no pátio da casa do homem. A guarnição do GOE foi até o endereço e localizou os dois veículos. O acusado relatou que apenas estava de posse das motos para tentar reaver o valor da Honda que foi levada ao depósito. Que a primeira moto entregue não tinha documentação e não constava no sistema do Detran. Além de placa adulterada.

Os dois foram encaminhados à DP e as motos foram apreendidas. O registro foi feito por exercício arbitrário e adulteração de característica. Depois de ouvidos os dois foram liberados. A ocorrência foi no bairro Vila Nova.

Fonte: Alegrete Tudo


8 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções