Polícia identifica homem morto a tiros no campus da PUCRS


A Polícia Civil identificou como Rafael Giovane Silveira da Silva, de 26 anos, o homem assassinado no campus da PUCRS, por volta das 16h desta quinta-feira. De acordo com o titular da 1ª Delegacia de Homicídios de Porto Alegre, delegado Rodrigo Reis, ele tinha antecedentes na ficha criminal. Os policiais ainda não confirmaram a motivação do crime.

Pelo menos três disparos acertaram a vítima, um no peito, outro no braço e no pescoço. Um quarto tiro acertou os vidros do prédio. O caso é tratado como homicídio – inicialmente havia sido levantada a possibilidade de se tratar de um latrocínio. De acordo com o delegado, há duas hipóteses para o crime: a primeira é de execução e a segunda é de que o homem tenha tentado cometer um assalto. A polícia vai usar as imagens das câmeras de segurança da universidade nas investigações.

Por meio de nota oficial, a PUCRS informou que, conforme apuração inicial, a vítima não tinha vínculo com a universidade: “A Instituição está profundamente consternada com o fato e colabora com as autoridades competentes”.

Fonte: Rádio Guaíba


43 visualizações0 comentário