Mulher morta a tiros na Linha Divisória já havia sido presa pela Polícia Federal


Franciane da Rosa Ribeiro Cardoso, de 21 anos, que foi morta a tiros na Linha Divisória na noite de terça-feira (22), já possuia antecedentes criminais e já havia sido presa pela Policia Federal de Ponto Porã - MS, por tráfico de drogas.

Entende o caso:

Na noite da terça-feira (22), a Policia de Rivera foi chamada para atender uma ocorrência de disparo de arma de fogo em via pública na av. Conrado Gonçalves Silveira, conhecida como subida do Matadeiro del Norte.

Segundo informações extraoficiais, a vítima teria sido identificada como Franciane, 21 anos, de nacionalidade brasileira e teria levado no mínimo 4 disparos, sendo um deles na cabeça, acima do olho esquerdo e o outro na perna próximo a virilha.

A policia de Rivera esteve no local e apurou detalhes da cena, até o momento tentativa de homicídio. Aproximadamente 45 minutos após levarem a mulher para o hospital, foi confirmado o falecimento da vítima.


518 visualizações

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções