''Foi uma fatalidade'', afirma condutor de ônibus que se envolveu em acidente na av.


Após ouvir o relato do filho da vítima do acidente na avenida Tamadaré, onde a uruguaia Mirian, de 49 anos, foi atingida por um ônibus que passou por cima das pernas da mulher, ouvimos também o motorista, que trabalha em Pelotas e estava na cidade a trabalho, trazendo turistas e que estava retornando naquele momento.

Confira o relato de Vagner Brandão, motorista do ônibus envolvido no acidente. "Ela caiu no lado do ônibus, agora como ela foi para com as pernas em baixo das rodas traseiras não me pergunta porque não saberei lhe falar. Quanto a velocidade, eu não estava mais de 20km por hora, pois é impossível até porque logo na frente tem uma faixa de segurança de pedestres e o semáforo. Isso foi um fato isolado, foi uma fatalidade. Pode ter certeza que estou profundamente chateado com tudo que aconteceu e espero que essa senhora Uruguaia não fique com nenhuma sequela do acidente." Explicou o motorista.

FOTO: Yuri Teixeira/Sentinela 24H


123 visualizações0 comentário