Policia Civil emite alerta sobre possível fuga de suspeitos de ritual de magia negra pela fronteira


A Polícia Civil de Novo Hamburgo emitiu alerta para as cidades de fronteira quanto à possibilidade de fuga de três dos suspeitos de um grave crime praticado no Rio Grande do Sul nos últimos meses.

Conforme o delegado Rogério Baggio, da 1ª Delegacia de Homicídio de Novo Hamburgo, os dados dos foragidos foram repassados à Interpol e estão incluídos no cadastro de fugitivos da Polícia Gaúcha. Ele ainda informou que a polícia internacional está cruzando os dados que apontarão os últimos lugares para onde essas pessoas viajaram nos últimos tempos.

Entre os foragidos, está um argentino, natural da província de Missiones, com passagens pela Polícia e relações com pessoas residentes na província de Corrientes.

Os foragidos são suspeitos de participação no assassinato de duas crianças, ainda não identificadas, mortas em um ritual de magia negra. Ao todo, sete pessoas foram apontadas pela Polícia como possíveis autoras, sendo que quatro estão presas. Os investigadores chegaram aos suspeitos – o “bruxo” e seis discípulos após minuciosa investigação. Conforme a investigação, Sílvio Fernandes Rodrigues, de 44 anos, que se intitula “bruxo” e mestre foi quem comandou o ritual. Teria sido a mando dele, que os outros seis envolvidos mataram as crianças.

As forças de segurança possuem a identificação dos foragidos e estão em alerta para evitar uma possível fuga do país.


0 visualização

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções