Karateca santanense faz intercâmbio cultural e de treinamento no Japão


O ano para o atleta Thomaz da Cunha Frassá começou com conquistas em seletivos e campeonatos, o atleta acumulou premiações em todas competições que participou durante o ano, a nível estadual, nacional e internacional, representando a seleção brasileira no Chile. O atleta, que é aluno do Sensei Miguel Angelo Santos da Academia Seishinkan, tem apenas 17 anos e já conta com uma vasta experiência em eventos competitivos encontrando-se em crescimento dentro da arte e criando expectativas para um futuro próximo, ser um dos melhores do Brasil.

Recentemente o atleta foi convidado por membros da Federação Sul Riograndense de Karate-do Tradicional e JKA do Rio Grande do Sul para o intercambio cultural e prático anual que acontece em algumas cidades do Japão, incluindo Tóquio. Oportunidade que o atleta não desperdiçou e acabou concretizando, segundo ele “um sonho" pelo fato do karatê ter sua origem no Japão e ser considerado o berço desta arte marcial, onde através da prática se aprende a cultura, disciplina e comportamento dos orientais. Thomaz passou duas semanas no país do sol nascente, estando em treinamento no Honbi dojo – Principal centro de treinamento da Associação Japonesa de karatê aos olhos dos melhores karatecas e senseis da JKA. O atleta pode fazer observações e anotações importantes para o crescimento pessoal e também para academia Senshinkan daqui da cidade e também é claro de aprender sobre a cultura do povo japonês .

Professor Miguel: "Thomaz é um merecedor da oportunidade,ele ama o karate, fico feliz pelo aprendizado que ele adquiriu em sua viagem, o mesmo deve colaborar tudo comigo e com seus colegas de treino dentro da academia. É um orgulho para nós."

Thomaz: "Neste ano tive muitas oportunidades, e uma delas foi viajar e conhecer o Japão, quinze dias de muito aprendizado, novas experiências e o orgulho de estar levando o Karatê do Rio Grande do Sul comigo e com os demais companheiros de viajem." "Em Tokyo participei do Gashuku, curso anual onde os melhores mestres da arte passam-nos seus conhecimentos e técnicas para o aperfeiçoamento através das práticas que em breve irão iniciar aqui na Seishinkan junto com meu professor Miguel. Como sabemos o Japão é o berço do Karatê, e nada mais gratificante para um Karateca, antes de qualquer medalha, ter a honra de treinar em um Dojo, ainda mais quando tratamos da central do esporte. Posso dizer que fui a fonte beber a água mais pura do conhecimento,porém, não para por ai, logo que cheguei tomei um choque de realidade, pessoas definitivamente diferentes, respeitosos às leis impostas pelo Estado e sempre preocupados que tudo esteja dentro dos conformes. Poucas vezes vi lixo nas ruas, a não ser algum papel que caía despercebido do bolso de algum japonês. Ruas limpas, muito bem elaboradas e por surpresa não eram barulhentas, se tratando de grandes cidades e metrópoles. Conheci as cidades de Tokyo, Kyoto e Gotemba. Na capital, Tokyo, conheci muitos bairros, feiras e alguns lugares típicos da culinária. Em Kyoto vi milhares de templos, pois é a cidade que mais possui templos, eram tantos que podíamos escolher qual iriamos visitar. Já em Gotemba tive a honra de comer um churrasco japonês, nada de sushis ou algo do tipo, apenas uma boa carne assada, além de treinar na casa do mestre Akio Serizawa que nos recebeu de forma acolhedora. Dias inesquecíveis que irei levar comigo para sempre, cada segundo valeu a pena, quem sabe um dia possa voltar a esse país extraordinário."

Texto: Professor Miguel.

Foto: Cedida

Foto: Cedida

#esporte #karate #intercambio #japao

24 visualizações0 comentário

© Copyright 2019 Sentinela 24h. Desenvolvido por Gath Soluções